Aguarde estamos carregando o maior site especializado em Cruzeiro
  1. Raposa Azul

Polêmica na Final do Mineiro: Hulk Derribado, Pênalti Não Marcado

Por Redação Raposa Azul em 07/04/2024 17:01

Hulk Derrubado, Pênalti Não Marcado

O primeiro tempo do segundo jogo da final do Campeonato Mineiro foi marcado por uma polêmica. Hulk, atacante do Atlético-MG, foi derrubado na área por Neris, jogador do Cruzeiro. O camisa sete atleticano pediu pênalti, mas o árbitro Flávio Rodrigues de Souza, de São Paulo, não marcou. O lance aconteceu na reta final do primeiro tempo. Hulk recebeu uma bola no contra-ataque e foi derrubado por Neris no limite da grande área. O banco do Galo protestou veementemente, alegando que houve pênalti. Hulk precisou de atendimento médico e, ao retornar ao campo, a arbitragem determinou a sequência do jogo.

Análise do Lance

Segundo Paulo César de Oliveira, analista de arbitragem do SporTV, o lance entre Hulk e Neris foi normal. O comentarista afirmou que o zagueiro do Cruzeiro disputou a bola de forma leal e que não houve falta.

Impacto do Lance

A não marcação do pênalti gerou muita discussão. O Cruzeiro , que já havia vencido o primeiro jogo da final, ficou mais perto do título Mineiro. Já o Atlético-MG precisa vencer o segundo jogo por dois gols de diferença para levar o campeonato para os pênaltis. O lance polêmico certamente será lembrado como um dos momentos mais marcantes da final do Campeonato Mineiro. A decisão do árbitro foi contestada por muitos, mas a verdade é que a arbitragem é sempre difícil e sujeita a erros.

Conclusão

A polêmica no primeiro tempo da final do Campeonato Mineiro mostrou que o futebol é um esporte cheio de emoções e discussões. O lance entre Hulk e Neris gerou muita controvérsia, mas, no final das contas, o que importa é o resultado do jogo. Agora, o Atlético-MG precisa buscar uma vitória por dois gols de diferença para levar a decisão para os pênaltis.

AVALIE ESTA NOTÍCIA

Comentários: